Crie um gigante no palco

author
2 minutes, 36 seconds Read


Uma das (muitas!) coisas maravilhosas do teatro é que a magia se torna real no palco. Histórias fantásticas são trazidas à vida das formas mais inventivas e interessantes para manter o público encantado. Muitos espetáculos teatrais envolvem criaturas mágicas, como gigantes, e todos são criados de forma diferente. Então, o desafio de hoje para seus alunos é… como eles criariam um gigante no palco?

Este exercício combina trabalho em equipe, pensamento crítico, resolução de problemas, desafios técnicos, redação e atuação. É um verdadeiro desafio artístico!

Instrução

Introdução:
Compartilhe exemplos de histórias com gigantes, como João e o Pé de Feijão, o Pai de David (Robert Munsch) O gigante egoista (Oscar Wilde) Clifford, o grande cão vermelho (Norman Bridwell) O Gigante de Ferro (Ted Hughes) e Tele BFG (Roald Dahl). Mostre clipes de espetáculos teatrais que incluem gigantes e criaturas gigantescas, como Gigantes no céu, Dentro da floresta, King Kong, Suco de besouro, e Pedro e o Starcatcher. Que outros livros, quadrinhos, programas de televisão ou filmes seus alunos viram que envolvem gigantes?

1. Divida os alunos em grupos de quatro a seis.

2. Peça a cada grupo que selecione uma cena curta de uma história em que um personagem encontra um gigante e escreva uma adaptação dessa cena para o palco. (Adaptação é o processo de tradução de uma fonte literária, como um conto ou poema, para outro gênero ou meio – neste caso, uma cena teatral a ser apresentada no palco.) Apontar para duas a três páginas.

3. Uma vez que tenham escrito sua cena, os alunos devem montar o espetáculo de dentro de seu grupo e descobrir a encenação. Cada aluno deve estar envolvido na performance de alguma forma (seja no palco ou em uma área técnica).

4. Os alunos devem determinar como vão encenar o gigante na cena. Algumas ideias podem incluir:

  • fantoches
  • Iluminação (sombras, marionetes de sombras, etc.)
  • Adereços e/ou cenários (grandes ou em miniatura)
  • Efeitos sonoros
  • Triagens
  • Escolhas de encenação (por exemplo, fingir que o gigante está fora do palco e fazer os atores olharem para onde o gigante está)
  • Uma combinação de muitas dessas ideias!

Você pode precisar lembrar aos alunos que programas de televisão e filmes geralmente empregam CGI (imagens geradas por computador) para criar gigantes nesses meios, e isso não está disponível para uma apresentação ao vivo.

5. Os alunos devem ensaiar e memorizar as suas falas e encenação. Eles devem incluir alguns trajes básicos e adereços. Os grupos apresentarão suas cenas para o resto da classe.

6. Após a apresentação de todos os grupos, cada aluno completará e apresentará uma reflexão individual.

Clique aqui para uma reflexão e rubrica gratuitas.


Kerry Hishon é um diretor, ator, escritor e combatente de palco de Londres, Ontário, Canadá. Ela bloga em www.kerryhishon.com.

Quer saber mais sobre nossas peças, recursos e brindes mais recentes?
Entre na nossa lista!

Similar Posts